Burritos de Feijões Refritos com Guacamole, Salsa & Sour Cream

Burrito de feijões refritos

Essas últimas semanas eu estou numa fase comida mexicana. Tudo começou quando decidi fazer para o jantar os huevos rancheros que já há algum tempo eu não preparava. Matada a vontade, me deparei com uma pilha de tortilhas na geladeira e comecei a pensar no que faria com elas.

Burritos ou Tacos?

A embalagem da tortilha era ilustrada por algo que eu pensava ser um burrito e considerei prepará-lo. Mas então veio a dúvida: Será mesmo um burrito?

Percebi que não sabia ao certo o que era um burrito e o que o diferenciava de um taco e outros pratos mexicanos. Sabia que a base deles era tortilha recheada com alguma coisa. Sabia também que o taco ficava apenas dobrado e o burrito enrolado. Mas o que exatamente caracterizava um e outro, eu não tinha claro.

Comecei então a pesquisar a diferença entre eles e aprendi que uma delas é que o taco em geral é feito com tortilha de milho enquanto que o burrito com tortilha de farinha de trigo. A tortilha usada para o taco é em geral mais dura e menor, sendo que come-se mais de um taco para compor uma refeição enquanto que um burrito deve ser suficiente. Ainda temos as enchilhadas, os nachos, as fajitas, mas esses todos ainda são tema para mais pesquisas.

Burritos

A tortilha que eu tinha era de farinha de trigo e seria perfeita para os burritos que havia planejado inicialmente. O primeiro burrito que preparei fiz recheado com cogumelos. Ficou sensacional, mas como não fotografei, a receita dele virá em breve. Vou refazê-lo e ele será devidamente publicado aqui.

Outra dúvida que tinha era quanto ao procedimento para enrolar os burritos e foi no post Nachos & Burritos do Cinara’s Place que encontrei as fotos ilustrando o passo a passo do processo.

Como a quantidade de tortilhas não era pequena, ela nos rendeu mais um jantar de burritos e dessa vez fui no tradicional, recheado com feijões refritos e queijo cheddar. Escolhi que os acompanhamentos seriam os clássicos sour cream, salsa e guacamole.

Fazendo guacamole em casa

A novidade dessa vez seria a guacamole que eu nunca havia feito em casa, comia apenas em restaurantes. Guacamole caseira é espetacular! E é tão simples de fazer que vale muito a pena e me arrependo de não ter começado a prepará-la antes.

Lendo algumas receitas acabei escolhendo a guacamole do Our Best Bites. Fiz uma alteração que foi adicionar pimenta vermelha fresca sem sementes picada. O tomate que era opcional decidi não usar.
Um diferencial nessa receita é que ela leva sour cream e achei que é uma boa adição. Ele dá uma cremosidade fantástica e, segundo a autora, evita o escurecimento do abacate mais eficientemente do que o limão, fazendo com o que a guacamole dure mais dias. Não testei sua durabilidade, porque não sobrou nada pra voltar à geladeira.

O abacate

Image: FreeDigitalPhotos.net

Eu usei aquele abacate pequeno com a casca escura e rugosa que é o único que eu encontro aqui na Holanda. Nunca vi por aqui aquele abacate grande com a casca lisa que temos no Brasil. O sabor dos dois pra mim é praticamente o mesmo. A vantagem do pequeno é que ele é a dose certa pra uma guacamole pra duas pessoas, mas no mais qualquer uma das duas variedades pode ser usada na receita.

Eu confesso que nesses dois anos e meio de Holanda eu nunca havia comprado um abacate. Eu sempre gostei de abacate, mas não sei porque acabei não comprando. Eis que eu não sabia como escolher um abacate, ainda mais a variedade daqui. Encontrei também no Our Best Bites, um post com dicas para escolher, cortar e extrair a polpa do abacate, o “Cutting avocados“.

Abacate escolhido e comprado, preparei a guacamole para acompanhar os burritos, receita inédita de hoje aqui no Entre Panelas.

Read More »

Huevos Rancheros – Agradável descoberta!

Huevos Rancheros

Foi pra variar no “La Cucinetta” que descobri os Huevos Rancheros. De lá segui o link para o Smitten Kitchen e, com água na boca, preparei o prato para o jantar assim que pude.

História

Ele é um prato típico para o café da manhã, originado no México e que ficou muito popular nas Américas [1]. No Brasil não sei se é popular, aqui em casa nunca tínhamos ouvido falar. Já nos Estados Unidos é um prato bem conhecido. Quando levei a receita dos Huevos Rancheros para a aula de holandês e apresentei-a para a classe, a colega norte-americana ficou super empolgada e se lembrou dos melhores huevos rancheros que ela comia num restaurante na Califórnia todos os sábados no café da manhã.

Preparando para o jantar

Pra mim esse é um prato muito pesado para o café-da-manhã, mas achei que cairia muito bem no jantar. E foi o que fiz, preparei-os para o jantar.

Ele é super prático de preparar. A primeira vez que fiz, preparei as tortilhas em casa, mas achei que elas ficaram muito duras. Acho que o problema foi a farinha de milho que usei. Outro problema também foi que não tínhamos o sour cream, então ficou aquela sensação de que o prato não estava completo. Fui obrigada a prepará-lo novamente.

Na segunda tentativa, com tortilhas compradas prontas, sour cream e feijão preto orgânico em lata (não me preparei a tempo de deixar o feijão de molho), os Huevos Rancheros foram um sucesso total!

Em etapas

O prato completo envolve a preparação de várias coisinhas o que pode dar a falsa impressão de complexidade. Mas cada um dos ítens é facílimo de preparar. Se usar feijões em lata então, como dizia minha professora de Espanhol, “manteguilla“.

Prepara-se a salsa, os feijões refritos, os ovos temperados com sal e pimenta do reino e queijo por cima no final e “frita-se” a tortilha. O sour cream, creme de leite azedo em Português, se não encontrar para comprar pronto, pode substituir por iogurte natural integral ou coalhada. É possível preparar em casa também. Para instruções veja o post “Creme de leite, sour cream, crème fraîche, a maior bagunça“, do La Cucinetta.

Vou indicar aqui como preparei os ovos, a tortilha e como montei o prato e reproduzir as receitas do LaCucinetta para a salsa e os feijões refritos, pois as as únicas modificações que fiz, foi que usei queijo Gouda no lugar do Cheddar (aqui é difícil achar o Cheddar), e usei salsinha no lugar do coentro. No resto foi tudo igual. A montagem ficou mais parecida com a do Smitten Kitchen.

Mais comida mexicana?

Aqui tem também Burritos de feijões refritos com guacamole, salsa & sour cream:

Burrito de feijões refritos

[print_this]

Receita: Huevos Rancheros

Ovos “fritos”

Para cada porção:

  1. Unte uma frigideira anti-aderente com um pouco de óleo.
  2. Tempere com sal e pimenta do reino moída na hora e “frite” o ovo. Quanto estiver quase pronto, coloque queijo gouda ralado por cima até derreter.

Dica: Um truque que uso para preparar o ovo assim e “acelerar” o processo dele é colocar um tiquinho de água na panela quand ela já está bem quente e tampá-la imediatamente. Isso vai criar um vapor que irá “cozinhar” o ovo e na faze do queijo derretê-lo.

Huevos Rancheros Huevos Rancheros

Tortilha

  1. Unte uma frigideira com óleo e “frite” as tortilhas dos dois lados.

Salsa e Feijões Refritos.

Fonte: http://www.lacucinetta.com.br/2007/02/nachos.html

Salsa:

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 15 minutos

Ingredientes:

  • 4 tomates sem as sementes, picados
  • 1 cebola picada
  • 1 pimenta dedo-de-moça verde picada
  • 1 dente de alho picado
  • 1/4 xíc. coentro fresco picado
  • 1 colh. (chá) orégano
  • 1/4 xíc. azeite de oliva extra-virgem
  • suco de 1/2 limão
  • sal e pimenta-do-reino a gosto

Preparo:

  1. Misture tudo e guarde bem tampado na geladeira até a hora de servir.

Feijões Refritos:

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 2 horas + 15 minutos (apenas 15 minutos se usar o feijão em lata)

Ingredientes:

  • 1 xíc. de feijões carioca ou pretos secos ou 2 latas de feijões em água e sal (se for de última hora)
  • 1 cebola grande picada
  • 1 dente-de-alho picado
  • 1 pitada de pimenta-caiena em pó
  • 1 cubo de caldo de legumes
  • 1 tomate sem pele e sem sementes picado
  • 1 pitada de cominho moído
  • 1 colh. (sopa) manteiga
  • sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 100 g queijo Cheddar ralado grosso

Preparo:

  1. Se usar os feijões secos, coloque-os numa tigela funda na noite anterior, cubra de água e deixe durante a noite. Na tarde seguinte, escorra os feijões e coloque-os na panela com o cubo de caldo e água suficiente para cobri-los. Cozinhe em fogo baixo meio destampado até que os feijões fiquem bem macios, quase desmanchando. Se o nível da água baixar muito, complete com mais. Quando estiverem prontos, escorra e reserve.
  2. Se usar os feijões em lata, apenas escorra e reserve.
  3. Derreta a manteiga em uma frigideira grande e refogue a cebolae o alho até que amoleçam. Junte o tomate e cozinhe por 2 minutos.
  4. Adicione os feijões cozidos ou em lata escorridos e vá mexendo, amassando com um garfo até que vire uma polpa macia.
  5. Tempere com sal, pimenta, cominho e pimenta-caiena a gosto.
  6. Guarde na geladeira se não for servir ainda e reaqueça no vapor. Na hora de servir, cubra a pasta de feijões quentes com o queijo, para que ele derreta.

Huevos Rancheros

Montagem:

  1. Coloque a tortilha sobre o prato
  2. Sobre a tortlha coloque o ovo, os feijões, a salsa e o sour cream!

[/print_this]
Bom apetite! :)